Imprimir
Categoria: Primeiro Plano
Visualizações: 4030

NUMA zona pouco habitada do distrito da Manhiça, carente por ter a sua população maioritariamente camponesa e dependente da chuva, que raramente cai, despontam, nos últimos quatro anos, novos horizontes: a tendência de as crianças, que iam em número reduzido à escola, desenvolverem uma paixão pelo ensino e aprendizagem, catalizada pela iniciativa “Comida para o Saber”, da sigla inglesa FFK. Leia mais