Imprimir
Categoria: Maputo
Visualizações: 1743

ALUNAS da Escola Primária Completa Unidade 10, no bairro Xipamanine, na cidade de Maputo, pediram há dias uma maior divulgação dos direitos da rapariga, como um dos passos para reduzir o índice de casamentos prematuros.  Durante um debate alusivo às comemorações do Dia Internacional da Rapariga, que se assinalou a 11 de Outubro, as meninas mostraram-se preocupadas com uniões de menores, o acesso à educação de qualidade e o assédio sexual nas escolas. Leia mais