Director: Lázaro Manhiça

A SELECÇÃO Nacional de Futebol de Sub-20, os “Mambinhas”, conquistou na tarde de ontem, em Port Elizabeth, na África do Sul, a edição 2020 do torneio regional da COSAFA, após vitória sobre a Namíbia por 1-0 na final, naquele que é o primeiro título em provas oficiais da história de futebol em Moçambique pela equipa de todos nós.

O golo solitário que decidiu o encontro foi apontado por Dércio aos 30 minutos, na cobrança de um livre directo, do lado esquerdo da área namibiana. Para além de levantar o canecão em Port Elizabeth, os “Mambinhas”garantiram a presença no CAN-2021,que terá lugar em Fevereiro, na Mauritânia. A Namíbia, finalista vencido, acompanha Moçambique à Mauritânia, onde 12 selecções disputarão o título continental.

A campanha dos “Mambinhas” na África do Sul foi categórica, com cinco jogos sem sofrer qualquer golo, o que mostra a solidez defensiva, concentração, rigidez táctica e capacidade de sofrimento, sobretudo nos jogos contra a selecção anfitriã e com a Zâmbia.

No primeiro jogo, Moçambique derrotou o Lesoto (1-0), antes de bater o Zimbabwe (2-0) no segundo embate. No terceiro e último jogo da primeira fase, a equipa moçambicana arrancou um precioso nulo diante da África do Sul, selando o apuramento e colocando os donos da casa fora da corrida ao título e ao CAN. Na segunda fase, Moçambique fez dois jogos, batendo a Zâmbia nas meias-finais por 5-4, nos penáltis,depois do nulo no tempo regulamentar, antes de vencer os namibianos ontem, num jogo bastante difícil,mas controlado do primeiro ao último minuto pelos pupilos de Dário Monteiro, antigo internacional moçambicano que comanda os “Mambinhas”.

Em relação ao CAN, esta será a segunda participação dos sub-20, depois da façanha de 2001, numa geração que marcou o futebol moçambicano, pois expôs jogadores como Miro, Paíto, Dário Khan, Mano, entre outros que marcaram o futebol nacional.

Festa rija pela noite adentro caracterizou os momentos que se seguiram ao jogo de ontem, com todos os membros da delegação moçambicana em êxtase.

O prémio definido pela Federação Moçambicana de Futebol (FMF) por esta façanha é de 150 mil meticais, mas há previsão da revisão em alta da gratificação.

Aliás, este ano os “Mambinhas” apagaram a pálida imagem deixada na última edição,na qual foram eliminados na primeira fase, depois das derrotas com eSwatini e Angola, antes da consolação frente aofrágil Seychelles.

Este ano, apesar das restrições impostas pela Covid-19, a história foi outra. Moçambique esteve com outra alma na África do Sul, com exibições seguras, jogando de forma destemida com todos os seus oponentes.

Comments
A SELECÇÂO nacional de futebol, Mambinhas Sub-20, apurou-se hoje para o Campeonato Africano das Nações a ter lugar em 2021, na Mauritânia. O conjunto moçambicano venceu a Zâmbia por 5-4 na marca de grandes penalidades, após um nulo no tempo regulamentar, em jogo que decorreu ontem na Áfeica do Sul. Apesar de uma arbitragem prejudicial e tendeciosa, os pupilos de Dário Monteiro conseguiram resistir: com uma unidade a menos e ainda com o treinador expulso, conseguiram aguentar e levar a decisão para a transformação de pontapés da marca de grande penalidade, onde venceram por 5-4, após nulo no tempo regulamemtar. Agora, os moçambicanos vão disputar a final do Torneio COSAFA 2020 diante da Namíbia que na sua semi-final derrotou a sua congénere de Angola. O jogo da final está marcada para a tarde de domingo pelas 15:30 horas em Port Elizabeth, onde Moçambique demonstrou invencibilidade, disputando quatro jogo não concedendo nenhum golo. Comments

A SELECÇÃO Nacional de futebol de sub-20 qualificou-se às meias-finais do Torneio COSAFA, ao empatar, ontem, em Port Elizabeth, com a anfitriã África do Sul sem abertura de contagem, na derradeira jornada (terceira) da fase de grupos.

Com esta vitória, os “Mambinhas” deverão decidir a transição para a final com Angola, na sexta-feira, no Wolfson Stadium. Caso chegue à final, o combinado nacional apura-se automaticamente para a fase final do Campeonato Africano das Nações (CAN) da categoria, que se realiza próximo ano, na Mauritânia.

Os “Mambinhas” destacaram-se no Grupo A, terminando a disputa desta fase com sete pontos, portanto sem derrota. Venceram, na estreia, o Lesoto (1-0), e de seguida o Zimbabwe (2-0), empatando depois ontem com os sul-africanos (0-0), que terminaram esta fase em segundo lugar, com cinco pontos. O Zimbabwe terminou em terceiro, com quatro, e Lesoto em último, sem pontuar.

Enquanto isso, Angola terminou igualado em pontos (três) com Eswatini, no Grupo C, mas valendo-a o melhor “goal-average”, numa série em que esteve igualmente o Botswana, que saiu sem sequer pontuar.

Os restantes acompanhantes de Moçambique e Angola às meias-finais serão conhecidos hoje, quando se realizar os últimos jogos do Grupo B, no qual estão a Zâmbia, Malawi, Namíbia e Comores. Já a quarta vaga das meias-finais será preenchida pelo melhor segundo classificado dos três grupos.

Sendo assim, o outro jogo das meias-finais, também agendado para sexta-feira, será entre o vencedor do Grupo B e o melhor segundo classificado do torneio. A final terá lugar no domingo.

Comments

MORREU ao princípio da noite de ontem Diego Armando Maradona. O astro argentino terá sofrido uma paragem cardo-respiratória.

Maradona perdeu a vida aos 60 anos, dias depois de ter recebido alta hospitalar na sequência de uma operação ao cérebro.

Segundo vários jornais argentinos, o antigo jogador sofreu uma paragem cardo-respiratóriaem casa.

Desta forma, o mundo perde um dos mais brilhantes futebolistas da História - para muitos o melhor de sempre -, que representou, como jogador, Argentinos Juniors, Boca Juniors, Barcelona, Nápoles, Sevilha e Newell's Old Boys. Pela selecção, conquistou o Mundial de 1986.

Como treinador, Maradona orientou Textil Mandiyú, Racing, a selecção da Argentina, Al-Wasl, Fujarah, Dorados de Sinaloa e Gimnasia de la Plata.

Mais pormenores sobre o assunto nas próximas edições.

Comments

MOÇAMBIQUE tem a participação najanela de qualificação para o Afrobasket-2021 marcada para os dias 27 e 29 de Novembro, em Ruanda. Em tempos de Covid-19, a FIBA endureceu as medidas do protocolo sanitário,numa altura em que o Ferroviário de Maputo já se prepara para o Basketeball Africa League (BAL), evento igualmente agendado para Ruanda,em Dezembro. Moçambique está no Grupo “B”, juntamente com Senegal, Angola e Quénia. O combinado nacional deve estar nas primeiras três posições do seu grupo para se qualificar. Leia mais

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Presidente: Júlio Manjate

Administrator: Rogério Sitoe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction