kids

Director: Júlio Manjate

OS combustíveis líquidos (diesel, gasolina, gás de cozinha e petróleo de iluminação) vão sofrer uma alteração de preços.

O novos valores serão anunciados hoje, quarta-feira (13), pela Direcção Nacional de Hidrocarbonetos e Combustíveis (DNHC), em conferência de imprensa, indica um comunicado emitido pela instituição.

Comments

O MINISTROda Agricultura e Desenvolvimento Rural, Celso Correia, mostrou-se satisfeito com um modelo de projecto para a modernização da agricultura, que consiste na produção de hortículas em ambiente protegido (hidroponia, estufas e sombrites) envolvendo jovens da comunidade, que a Gapi está a desenvolver nas Mahotas. Leia mais

Comments

O Governo fixou ontem em 25,00 meticais o preço por quilograma de algodão-caroço de primeira qualidade a praticar na campanha de comercialização 2019-2020. Para o algodão de segunda qualidade o Executivo aprovou 18,00 meticais o custo por quilo, enquanto o descaroçamento do algodão-caroço de primeira passa a custar um mínimo de sete meticais por quilograma.

Os novos preços surgem após negociações entre compradores e produtores, que foram marcadas por divergências, com o Fórum Nacional de Produtores de Algodão (FONPA) a defender a manutenção do anterior preço de 23,30 meticais o quilo do algodão-caroço de primeira, contra 19,00 meticais defendidos pela Associação Algodoeira de Moçambique (AAM).

Face a este desencontro de propostas, o Governo decidiu subsidiar a diferença, fixando o preço em 25,00 meticais o quilograma. Segundo dados apurados pelo “Notícias”, o subsídio ao preço do algodão resulta da implementação do compromisso assumido pelo Presidente da República, de destinar dez por cento do orçamento para o sector agrícola.

O reajuste dos preços de referência do algodão reflecte um aumento em relação à campanha passada, na qual o algodão de primeira e de segunda era vendido a preços mínimos de 23,30 meticais e 17,00 meticais, respectivamente.

A decisão foi anunciada ontem pelo ministro da Agricultura e Desenvolvimento Rural, no final da 16ª Sessão Ordinária do Conselho de Ministros.

Celso Correia referiu que a fixação dos preços de referência vai salvaguardar a sustentabilidade do sector familiar, largamente envolvido no cultivo do algodão.

A produção do algodão gera entre 30 e 50 milhões de dólares anuais e envolve cerca de 250 mil famílias, o que corresponde a 1.5 milhão de pessoas em todo país.

“As negociações para se chegar aos preços foram duras, mas a abordagem do Governo enquadra-se na política de protecção e estímulo do agricultor familiar e, acima de tudo, das cadeias de valor estratégicas”, disse o ministro.

Para viabilizar a produção do chamado ouro branco o Governo vai subsidiar o preço do algodão-caroço ao produtor no valor de 6,00 meticais o quilo. De acordo com o ministro do pelouro, o desembolso de subsídios vai consumir cerca de 240 milhões de meticais na campanha 2019/2020.

Paralelamente ao fomento do algodão, o sector da Agricultura pretende estimular a rotatividade de culturas através do incentivo de culturas de rendimento, tais como a soja, o milho e girassol.

“A introdução destas culturas em ciclos rotativos vai permitir o aumento do rendimento das famílias já envolvidas no cultivo do algodão”, explicou.

Não obstante a procura do algodão no mercado, Correia disse que as famílias envolvidas no cultivo desta cultura de rendimento estiveram abaixo da linha da pobreza nos últimos anos, um cenário que se pretende inverter.

O algodão é o sétimo produto de exportação e uma importante fonte de arrecadação de receitas. Celso Correia avançou que o país poderá alcançar entre 40 e 50 mil toneladas na campanha agrária 2019/2020.

Comments

O MINISTÉRIO Público (MP) propôs a dissolução da Proindicus, Ematum e MAM, considerando que a situação de liquidez das três empresas é inferior à metade do valor do capital social, avançou uma fonte da Procuradoria-Geral da República de Moçambique. Leia mais

Comments

A China Molybdenum Co está a enviar cobre e cobalto da República Democrática do Congo para a China através de portos moçambicanos, avançou um porta-voz da mineradora.

De acordo com a Reuters, a China Moly, que opera a mina de Tenke Fungurume, na República Democrática do Congo, teve de mudar de planos logísticos após a África do Sul ter limitado os seus portos a bens essenciais.
A empresa chinesa está a enviar cobre e cobalto através de vários pequenos portos em Moçambique, de Dar es Salaam, na Tanzania, e de Walvis Bay, na Namíbia, revelou a agência noticiosa.
Segundo um comunicado enviado pela China Moly à Bolsa de Valores de Xangai, as vendas de hidróxido de cobalto, usado para produzir baterias para veículos eléctricos, atingiram no primeiro trimestre 5.334 toneladas, mais 49,3 por cento do que em igual período de 2019.

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction