Director: Júlio Manjate

AS mulheres moçambicanas querem ver melhorados os seus direitos de participação em todas as esferas de decisão. Como contribuição para realizar este objectivo, foi lançada, sexta-feira, em Maputo, a Rede Africana de Mulheres Líderes em Moçambique, num evento orientado pelo secretário permanente do Ministério do Género, Criança e Acção Social, Danilo Bay, em representação da titular da pasta, Nyeleti Mondlane. Leia mais

Comments

O Secretário-Geral da Frelimo, Roque Silva, inicia hoje (28) uma visita de trabalho à província de Nampula, onde irá inteirar-se do funcionamento dos órgãos de base e auscultar as populações sobre os seus anseios com vista à busca de soluções.
Roque Silva deverá trabalhar naquela província nortenha até 03 de Março próximo.
“Consta ainda da agenda de trabalho do Secretário-Geral da Frelimo reuniões com membros, simpatizantes, organizações sociais do partido e com diversos segmentos da sociedade, bem como o acompanhamento do grau de implementação das decisões do 11º Congresso”, refere um comunicado recebido pela AIM.
Nesta deslocação a Nampula, o Secretário-Geral da FRELIMO far-se-á acompanhar pelos Secretários do Comité Central para Comunicação e Imagem, Caifadine Manasse; para Mobilização e Organizações Sociais, Leonor Mondlane e quadros do partido.

Comments

O Presidente da República, Filipe Nyusi, vai visitar o Reino da Finlândia em Junho, anunciou ontem, em Maputo, o ministro da Cooperação para o Desenvolvimento e Comércio Externo finlandês.

“Discutimos a visita do Presidente à Finlândia e estamos ansiosos para o receber”, disse Ville Skinnari, citado pela Lusa, falando em Maputo após a reunião com a ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Verónica Macamo, no âmbito de uma visita de trabalho que realiza a Moçambique.

Ville Skinnari explicou que as discussões da reunião de ontem foram sobre a cooperação e desenvolvimento bilateral, bem como a relação com a União Europeia.

“Tivemos uma reunião muito produtiva e boa e esperamos ansiosamente pela próxima vez na Finlândia, em Junho”, frisou.

Por seu turno,Verónica Macamo referiu que “se deve elevar as relações económicas e empresariais para níveis mais altos”.

“O desejo de Moçambique é de ver mais ainda expandida às áreas de agricultura, indústria e pescas”, afirmou Verónica Macamo, acrescentando que esteve sobre a mesa a operacionalização do plano de cooperação 2020-2024.

A Finlândia tem participado no desenvolvimento rural, educação e boa governação, afirmou.

“A coisa mais difícil para um pobre é a fome, a questão da agricultura e outras áreas que comparticipam na produção da comida que fossem vistas com muita atenção”, acrescentou.

A visita de Ville Skinnari a Moçambique visa fortalecer a cooperação entre os dois países.

Além do encontro com a ministra dos Negócios Estrangeiros e Cooperação, Ville Skinnari tem marcadas reuniões com o ministro da Indústria e Comércio, Carlos Mesquita, com a ministra da Educação e Desenvolvimento Humano, Carmelita Namashulua, e com a presidente do parlamento, Esperança Bias.

Antes de Moçambique, Ville Skinnari visitou a Tanzânia, onde também manteve encontros com quadros do Governo com o objectivo de reforçar a cooperação bilateral.

Comments

A Assembleia da República (AR) poderá beneficiar do apoio da sua congénere finlandesa para melhorar a sua capacidade de actuação, sobretudo na fiscalização das actividades do Executivo.
O apoio surge no âmbito do estreitamento das relações de cooperação entre as duas instituições.
O compromisso foi assumido ontem, em Maputo, durante a visita de cortesia que o Ministro da Cooperação para o Desenvolvimento e Comércio da Finlândia, Ville Skinnari, fez à Presidente da AR, Esperança Bias.
Falando minutos após o encontro, Skinnari disse que o governo finlandês também deseja apoiar o sector da Educação e incrementar a cooperação económica.
“Como é sabido, a Finlândia é muito conhecida pelo seu sistema de Educação que é muito bom, então é uma área prioritária de cooperação. Por isso, vamos trabalhar na Educação”, disse a fonte.
Os dois países também poderão cooperar a nível empresarial, de forma a criar mais oportunidades de negócio para a geração de emprego, disse o ministro, para de seguida acrescentar também que vamos trabalhar a nível comunitário para cada vez mais melhorarmos a vida da população”.
O presidente da Comissão dos Assuntos Constitucionais, Direitos Humanos e de Legalidade na AR, António Boene, explicou que o encontro serviu, igualmente, para avaliar a cooperação entre os dois países e povos.
“A Finlândia tem um novo governo. Naturalmente, há uma nova perspectiva, nova abordagem deste governo, principalmente na cooperação com Moçambique. Então, eles estão abertos a ver até que medida poderão estreitar ou aprofundar as relações de amizade e cooperação com Moçambique”, disse.
“O ministro estabeleceu aqui áreas em que a Finlândia está disposta a cooperar, incluindo investimento para a geração de mais emprego”, ajuntou.

Comments

Moçambique e África do Sul precisam rapidamente de criar condições para que a fronteira da Ponta do Ouro, no extremo sul da província de Maputo e do país, seja transformada num pólo comercial e rentável. Leia mais

Comments

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction