Imprimir
Categoria: Recreio e Divulgação
Visualizações: 1625

FOI, recentemente, lançada   a capulana denominada “ colecção +258”, na cidade de Maputo, com objectivo de mostrar, que o uso da capulana, tradicionalmente, moçambicano também combina com a modernidade.

O lançamento projecto capulana +258 é financiado pela Cerveja de Moçambique (CDM) em parceria com designers nacionais

Segundo Fabiana Pereira, directora do marketing de CDM, a iniciativa surge no âmbito de necessidade de reinterpretar um dos maiores símbolos nacionais, que é a capulana.

Para a concretização do projecto, Fabiana Pereira disse que a 2M desafiou seis designers moçambicanos a desenvolver diversas peças exclusivas com base na capulana, de modo a compor uma colecção única +258.

Explicou que as marcas Amorambique, CapúDdesigner, Chibaia, Nivaldo Thierry, Uzuri e Woogui trabalharam os seus produtos e deram corpo a bolsas, bonés, casacos, turbantes e muito mais. 

A capulana foi concebida pela Karigana Wa Karingana, uma marca de design e têxtil moçambicana baseada em Maputo, e foi produzida em Nampula, numa das fábricas de produção têxtil.

A fonte informou, que cada artista teve a oportunidade de apresentar uma linha diferente de acessórios modernos e elegantes unindo vários materiais, que são, habitualmente ,utilizados no design moçambicano.

O nome, +258, “constitui muito mais do que um simples código nacional, é uma forma de estar, é uma atitude. É a arte de combinar o tradicional com o actual”- disse.

 As peças encontram-se à venda numa loja no Museu Mafalala, localizado no bairro do mesmo nome, na capital do país.