Director: Júlio Manjate

A CIRCULAÇÃO rodoviária está a condicionada desde semana passada na ponte sobre o rio Limpopo, na Estrada Nacional Número Um (EN1), à entrada da cidade de Xai-Xai, devido a intervenções em curso nas faixas de rodagem, que deverão ser concluídas até ao dia 28 de Fevereiro próximo, segundo garantia dada ao “Notícias” pelo Delegado da Administração Nacional de Estradas (ANE), em Gaza, Jorge Govanhica.

À excepção dos finais de semana, enquanto durarem os trabalhos de reabilitação do piso, a circulação sobre a ponte é feita apenas numa faixa, solução encontrada pela ANE para não interditar por completo a via.

Neste momento decorre a substituição de chapas metálicas na parte superior da ponte, depois que terminaram as primeiras intervenções por baixo da infra-estrutura, que consistiram na reabilitação do tabuleiro em betão armado.

“Estamos a tentar maximizar esta altura em que o empreiteiro está a substituir as chapas, com a execução de todas as actividades que devem decorrer do lado em obras e com a circulação condicionada. Trata-se de trabalhos nas duas torres (uma do lado de Xai-Xai e outra do lado do Limpopo), que suportam os cabos que sustentam a própria ponte”, explica o delegado da ANE.

Paralelamente a estes trabalhos está sendo feita a verificação e reparação dos pontos de ancoragem da ponte, que são bastante sensíveis, ao mesmo tempo que se procede à substituição dos aparelhos de apoio.

“Tratando-se de uma operação delicada que poderá concorrer para restrição total para os utentes, por algumas horas. Por isso a recomendação que passámos ao empreiteiro é que reforce as equipas de trabalho e equipamento de modo que a operação seja feita no mais curto espaço de tempo, para não constranger os utentes”, disse Govanhica.

Esta é a primeira grande intervenção nesta ponte, depois que foi reconstruidanos princípios da década de 90, após ter desabado, levando a que a travessia do rio Limpopo fosse feita com recurso a batelão para carros de pequeno e médio porte, enquanto os de elevada tonelagem eram obrigados a cumprir o desvio a partir de Chissano, passando por Chibuto, até reentrar na EN1, na zona de Chongoene, e vice-versa.

Pela ponte de Xai-Xai, com uma portagem que cobra apenas para as viaturas que fazem o sentido norte-sul, passa em média por dia pouco mais de quatro mil carros de todas as classes.

A obra é orçada em pouco mais de 272 milhões de meticais, disponibilizados pelo Governo de Moçambique, e nela estão envolvidos mais de 20 operários.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction