Director: Júlio Manjate

O Conselho Municipal da Cidade de Pemba, capital de Cabo Delgado, através do seu sector de fiscalização, lançou na madrugada de sábado uma campanha de destruição de barracas e bancas construídas por cima de valas de drenagem, passeios e outros locais públicos e que  dificultam a circulação das águas pluviais, pessoas e bens.

Segundo o comandante da Polícia municipal, Carlos Fernando, a operação, que devia ter  iniciado em Outubro do ano passado e que foi antecipadamente comunicada aos visados, abrangeu, numa primeira fase, as barracas e bancas construídas ao longo da avenida Eduardo Mondlane, na faixa direita para quem segue no sentido Hotel Cabo Delgado em direcção à Praça de Emulação Socialista.

De acordo com Fernando, nos próximos dias serão abrangidos os vendedores que desenvolvem suas actividades nas bermas da avenida 25 de Setembro, mais concretamente na zona de Gingone, Galp e no meio da faixa de rodagem da estrada que liga os escritórios da Administração Nacional de Estradas (ANE) e o bairro de Expansão.

Neste momento, muitas bancas dos mercados municipais estão abandonadas, por falta de vendedores, porque quase todos preferem desenvolver as suas actividades ao longo dos passeios, sob a alegação de que ali os seus produtos são comprados.

Porém, a medida não agradou aos vendedores afectados, mas alguns munícipes que falaram ao nosso jornal congratularam o Conselho Municipal pela actuação, porquanto vai facilitar a circulação de pessoas e bens.

CONVERSAS AOS SÁBADOS

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Administrator: Rogério Sitóe

Administrator: Cezerilo Matuce

JORNAL DIGITAL


Template Settings

Color

For each color, the params below will give default values
Tomato Green Blue Cyan Dark_Red Dark_Blue

Body

Background Color
Text Color

Header

Background Color

Footer

Select menu
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Direction